domingo, 29 de maio de 2011

Aquele sobre o mundo não ser maternal...

*
Achei esse texto maravilhoso... além de super real... daí quis compartilhar...
Por Marta Medeiros

É bom ter mãe quando se é criança, e também é bom quando se é adulto. Mas quando se é adolescente a gente pensa que viveria melhor sem ela. Mero erro de cálculo.

Mãe é bom em qualquer idade. Sem ela, ficamos órfãos de tudo, já que o mundo lá fora não é nem um pouco maternal conosco.

O mundo não se importa se estamos desagasalhados e passando fome. Não liga se virarmos a noite na rua, não dá a mínima se estamos acompanhados por maus elementos. O mundo quer defender o seu, não o nosso.

O mundo quer que a gente fique horas no telefone, torrando dinheiro. Quer que a gente case logo e compre um apartamento que vai nos deixar endividados por vinte anos. O mundo quer que a gente ande na moda, que a gente troque de carro, que a gente tenha boa aparência e estoure o cartão de crédito.

Mãe também quer que a gente tenha boa aparência, mas está mais preocupada com o nosso banho, com os nossos dentes e nossos ouvidos, com a nossa limpeza interna: não quer que a gente se drogue, que a gente fume, que a gente beba.

O mundo nos olha superficialmente. Não consegue enxergar através. Não detecta nossa tristeza, nosso queixo que treme, nosso abatimento. O mundo quer que sejamos lindos, sarados e vitoriosos para enfeitar ele próprio, como se fôssemos objetos de decoração do planeta. O mundo não tira nossa febre, não penteia nosso cabelo, não oferece um pedaço de bolo feito em casa.

O mundo quer nosso voto, mas não quer atender nossas necessidades. O mundo, quando não concorda com a gente, nos pune, nos rotula, nos exclui. O mundo não tem doçura, não tem paciência, não para para nos ouvir.

O mundo pergunta quantos eletrodomésticos temos em casa e qual é o nosso grau de instrução, mas não sabe nada dos nossos medos de infância, das nossas notas no colégio, de como foi duro arranjar o primeiro emprego. Para o mundo, quem menos corre, voa. Quem não se comunica se estrumbica. Quem com ferro fere, com ferro será ferido. O mundo não quer saber de indivíduos, e sim de slogans e estatísticas.

Mãe é de outro mundo. É emocionalmente incorreta: exclusivista, parcial, metida, brigona, insistente, dramática, chega a ser até corruptível se oferecermos em troca alguma atenção. Sofre no lugar da gente, se preocupa com detalhes e tenta adivinhar todas as nossas vontades, enquanto que o mundo propriamente dito exige eficiência máxima, seleciona os mais bem-dotados e cobra caro pelo seu tempo.

Mãe é de graça.

Bom domingo!!!!

sábado, 28 de maio de 2011

Aquele com o que vi por aí e curti #21

*


2- Coisa fofa e útil essa carteira de anotações... bem que podia rolar um PAP disso, heim?! #Scrapbook...

3- Esse look de Bibi Castelani, a personagem de Maria Clara Gueiros na novela Insensato Coração... e aproveito pra um comentariozinho rápido: O que é aquela personagem?? Amei a construção de uma mulher tão expressiva, autêntica e determinada naquilo que é, quer e faz... quem escreveu a história da Bibi arrasou!!!


5-Coisa boa na minha vida, vem sendo buscar inspirações e alternativas econômicas para decorar o meu cantinho... o meu lar, doce lar... Daí que vi uma dica super bacana no blog Mais do que Palavras... trata da divulgação de um site que disponibiliza arte digital em alta resolução para impressão... e o mais legal... de graça!

6- Esse mural de patchwork... Acho murais lindos, além de super úteis... dão um ar despojado no ambiente!

7- Outro projeto fotográfico...

Bom fim de semana pra nós!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Aquele com um scrap digital... HEIM???

*
... Pois é... eis que não fiz muito do que tinha que fazer essa semana... consegui concluir 30% das minhas tarefas pessoais pendentes... ao menos quase fechei meus compromissos profissionais, e isso me deixou em paz... mas prometo que nesse fim de semana dou jeito no meu guarda-roupas e organizo meus mteriais de scrapbook artesanal... comprei umas coisinhas novas e ainda nem usei porque tá tudo uma bagunça e alguns papéis ficaram tortos por causa da umidade que pegaram... contei que o meu scraproom não é à prova de chuvas fortes e violentas e por isso ficou todo mofado? Contei não né?!?! Volto outra hora e falo a respeito... chorei tanto que quase peguei um racha com São Pedro pra ver quem botava mais água no mundo... mas enfim... salvei grande parte do meu material...

Pra que comecei esse post mermo??? Ahhhhh é!!! Pois é... eu fiz um scrap digital essa semana... dá pra crer??? Pois creiam-me... EU FIZ!!! Não ficou láaaaaaaaaaa essas coisas, mas ficou bonitinho... fato é que me empolguei com a música que mostrei no "Vi por aí e curti" da vigésima semana e quis criar algo no tema... ispía o que saiu...


Eu disse que não ficou láaaaaaaaa essas coisas...
Resumo da obra: amei criar uma página nova depois de tanto tempo... percebi que mantenho meu estilo e achei isso fofo ^^ ... Tive medo de não conseguir mais fazer minhas misturebas digitais, mas eis que consegui... Percebi que quando não há a obrigatoriedade de creditar materiais (pois é... continuo achando isso uma inhaca e creio que tem uns 40% de culpa pela minha indisposição com a arte) e também sem a pressão que infelizmente faz parte do pacote de ser parte de um time criativo, fica muito mais gostoso scrapper... e... e mais nada... é isso só! :P

Pra quem não viu a seção e não faz a menor idéia de que musiquinha me inspirou a criar essa página, taí abaixo o vídeo de novo... num é fofa essa letra???



P.S. A foto da página é do ano passado... trata-se do conforto que recebi quando tomei aquela facada nas costas ao voltar de férias em fevereiro de 2010... Se não lembra, não viu ou nem me conhecia na época, clica aqui!

Beijos e bom fim de semana pra nós...

Ahhhhhh (1): O "Vi por aí e curti" de amanhã tá bem legalzinho... se achar tempo dá uma corridinha aqui... Ahhhhhh (2): Hoje é sexta-feira... já contei que AMO sexta-feira??? :P

terça-feira, 24 de maio de 2011

Aquele com foto-careta

*
Ahhh eu estava dooooooooooida pra brincar de projetinho fotográfico amador (amadoríssimo... amadorésimo... amadoréséséééérrimo)... amei a brincadeirinha... a gente se divertiu um bocado e achei o resultado legalzinho apesar do amadorismo...


Ainda quero brincar disso outras vezes por aqui... a galerinha colaborou legal!!!
Bom meio de semana pra nós!

sábado, 21 de maio de 2011

Aquele com o que vi por aí e curti #20

*
1-Coisa liiiiiiiiiinda... imaginei meu banheiro com todo esse "freestyle"... amei a idéia de azulejos coloridos... (Via "Casa de Colorir")...

2- O post é bem velhinho, mas como é recente minha admiração por projeto fotográficos criativos, inspiradores e originais, fiz uma busca net adentro pra ver o que o pessoal da fotografia anda fazendo por aí em relação à isso... Gostei desse de caretas... dá pra treinar retrato e ainda se divertir com os amigos da escola, colegas de trabalho, família, etc... Acho que vou brincar disso aqui em casa :P ...

3- Cansada de quarto de bebê igualim quiném aqueles todos tradicionaizinhos??? Que tal fazer um cantinho especial no lugar mais aconchegante da casa para o seu/ua filho/a??? Amei essa idéia de um cantinho de leituras... bebês não sabem ler, mas suas mamães sabem bem contar histórias!! :D

4- Já tinha contado aqui na seção sobre a minha vontade de fazer uma mini-horta aqui no meu quintal né?!... Depois que vi esses vazinhos fofos para plantar temperos, aí é que a vontade ficou grandona mesmo...

5- Essas impressões pra decoração do "Estúdio Cereja"... Os da coleção "Vinicius de Moraes" são tão românticos... (Via "A Casa que a Minha Avó Queria")...

6- A piada abaixo... (via Sandra Ottaiano por e-mail):

Após o jogo contra o Coritiba, um minerim de bicicleta passa por alguns torcedores do Palmeiras num ponto de ônibus e educadamente cumprimentou "SEIS TÁ BÃO".
Até agora não acharam nem a bicicleta quanto mais o minerim

Ahhh genzas... qualé???... bóra rir!!! :D

7- E o melhor da semana... Óooooin... ispía se não é muito amor essa letra... não conhecia e vi no blog "Ah, lá em casa"... coisinha mais fofa... dotosa... inocente... É de novidade musical assim que esse mundão doido tá precisando, não é não???


Oração - A banda mais bonita da cidade

Meu amor essa é a última oração
Pra salvar seu coração
Coração não é tão simples quanto pensa
Nele cabe o que não cabe na dispensa
Cabe o meu amor!
Cabe em três vidas inteiras
Cabe em uma penteadeira
Cabe nós dois
Cabe até o meu amor
Essa é a última oração pra salvar seu coração
Coração não é tão simples quanto pensa
Nele cabe o que não cabe na dispensa
Cabe o meu amor!
Cabe em três vidas inteiras
Cabe em uma penteadeira
Cabe essa oração

Bom pra animar a ter um sábado cheio de muito amor né??? ^^

Ótimo fim de semana pra nós!!!

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Aquele com um mini-álbum

*
Antes de qualquer coisa peço mil desculpas pelo sumiço... a semana está sendo tão puxada no trabalho que o cansaço toma conta do corpo todo quando enfim eu desligo de tamanha agitação... gosto, é fato, mas confesso que estou um pouco esgotada com tanto movimento por causa do Programa Minha Casa Minha Vida... Em função dessa correria estou com um monte de coisas da vida pessoal pendente... Não consegui ir aos correios postar o presentinho da Carlinha (mas sábado resolvo isso viu, Chuchu?!), também não consegui ir até o quarto batalhão da PMMG entregar o presentinho do Cabo Daniel (isso, a Fia, que estuda no Tiradentes vai resolver amanhã mesmo... :P)... tão pouco consegui comprar badulaques para decorar minha sala... coisas que estavam previstas pra essa semana... bom foi que, apesar de tanto corre-corre, consegui empolgação para fazer scrapbook...

E que delícia é voltar a fazer uns rabiscos de scrapbook artesanal... há um tempão eu não criava nada com fotos... aliás, só fiz nesse período de hibernação artística alguns muitos marcadores de páginas... mas páginas de scrapbook que são as melhores, nadica...
  que é coisa boa demais, há tempos não fazia... 
Daí que ví em algum lugar por aí (a anta aqui esqueceu de salvar o link para divulgar), um tutorial de mini-álbum aparentemente super fácil de fazer... resolvi na hora botar a mão na massa e tentar um rabisquete...

Saiu um albinho bem meia boca... ficou meio tortinho e além disso, por causa da tremedeira que a nova bombinha de asma me provoca, a caligrafia do texto ficou péssima... mesmo assim eu gostei do resultado... não tanto pelo produto final, mas sim porque a confecção desse mini-álbum me fez compreender que todo o mal-estar em relação ao scrapbook digital não está acontecendo com o artesanal... fiquei muito bem... muito feliz mesmo com isso!... 




Achei fofinho!!!

E que venha a sexta-feira pra 'nóis' que 'nóis merece' :D... AMO A SEXTA-FEIRA!!!

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Aquele com a o lápide "Aqui jaz Ranne Miranda"

*
Serião... agora eu preocupei... a fata da depo provera não é absolutamente nada se comparada ao outro medicamento do qual faço uso e segundo informações pararam de comercializar... O QUE É QUE TÁ HAVENDO COM AS INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS DESSE MUNDO????? TODO MUNDO PIROU????

Sem a bombinha que uso pra aliviar a minha crise de asma, composta por brometo de ipratrópio (0,04mg) e bromidrato de fenoterol (0,1mg), não sei como vou conter minhas crises... ou melhor, sei, com nebulizador... ms ele requer energia elétrica... só esses dois broncodilatadores associados aliviam imediatamente minhas crises de asma, e a bombina duovent (que associa esses compostas), simplesmente sumiu das prateleiras das farmácias...



Solução tem, claro... o aparelho de nebulização com soro fisiológico, atrovent (o tal brometo de ipratropio) e berotec (o tal bromidrato de fenoterol)... mas eu teria que comprar dois... um pra ter em casa e outro pra ter no trabalho... e teria que levar o meu de casa pra todo lugar que eu for... o problema é que não é em todo lugar que eu vou que tem tomada... né?








Enfim... tô chateada... mesmo!!!... Ninguém mais pode ter doença crônica nesse mundo... daqui há pouco vão parar de fabricar captopril, insulina (bem, essa não dá pra parar de produzir, mas é bem possível que proíbam de usar o pâncreas do porco para a produção visando tratamento do diabetes), etc... etc... etc....

Experimentei ontem, a bombinha Berotec 100 (não tem o atrovent nela, só o bromidrato de fenoterol)... até que ela ameniza a crise sim (não faz cessar por completo, como a duovent), mas tem dois probleminhas a Berotec: 1- Dá uma taquicardia do cacete... 2- O efeito de alívio dura menos de 4 horas (a duovent durava 12h./0.



Coisa chata... queria ter nascido sem asma!!!
Bjs e boa semana à todos!!!

Tá foda!!!!

domingo, 15 de maio de 2011

Aquele com: Dá pra ler ou tá difícil? - O Clube do Filme

*
O Clube do Filme é uma super narrativa em primeira pessoa de David Gilmour... de seu drama paterno real e da alternativa que encontrou frente à indisposição (lê-se: ódio) do filho de 15 anos para com os estudos...

Sinopse de orelha:
David Gilmour, crítico de cinema desmepregado e com o dinheiro contado, vivia uma fase complicada. Além disso, o filho de 15 anos colecionava reprovações em todas as disciplinas. Diante da falta de rumo daquele estudante perdido e desesperado, uma proposta paterna radical: o garoto poderia sair da escola - e ficar sem trabalhar e sem pagar aluguel - desde que assistisse toda semana a três filmes escolhidos pelo pai, e com o pai. Assim surgiu o clube do filme...

Minha opinião:
Amei a leitura... além de um drama familiar muito bem narrado (à ponto de a gente se sentir dentro dele, parte dele, ou pelo menos, envolvida demais no contexto), as críticas que David faz sobre grandes clássicos do cinema mundial (alguns nem tão grandes assim, e tem ainda aqueles pra se envergonhar, mas até esses Gilmour faz parecerem interessantes), fazem com que queiramos imediatamente assistir aos ditos (ou assistir de novo... no meu caso, vi grande parte da filmografia do livro)... Confesso que ser apaixonada por filmes colaborou com a simpatia que tive pela narrativa, mas creio que até quem não é cinéfila como eu, pode curtir... a leitura não cansa, não é repetitiva e Gilmour consegue fazer associações com as quais nos identificamos fácil... Recomendo a leitura sem medo de ser xingada... mesmo!
A decisão de Gilmour é meio (muito, mega, ultra, power) arriscada... e convenhamos... corajosa... Você, por exemplo, teria coragem de fazer uma proposta assim pro seu filho??? Eu confesso que não seria tão peituda a ponto de afrontar enfrentar o sistema desse jeito... eu ladro a beça, mas na hora de morder, quando se trata de um filho meu, perco a valentia e prefiro as coisas da forma mais segura possível... covarde, eu sei, mas...
Enfim... esse foi o livro do segundo bimestre do ano... lí antes de acabar o mês de abril, mas estava com preguiça de postar sobre isso... fui enrolando... enrolando... enrolando... mas tá aqui... rs
Espero que eu tenha conseguido instigar sua curiosidade sobre a obra... vale e muito a leitura!

Veja uma opinião diferente da minha aqui

Próximo livro:
Caçadores de Luz - Histórias de fotojornalismo - Irmãos Marques (Alan, Lula e Sérgio)

Boa quinta-feira pra nós!

sábado, 14 de maio de 2011

Aquele com o que vi por aí e curti #19

*
1- Decorando pratos de porcelana com moldes vazados... afff... fica uma fofurice só...
2- Uma parede de bolinha amarelinha, tão pequenininha...
3- Fotos e mais fotos espalhadas pela casa... a que eu mais gostei foi essa parede aqui... E o legal é que o molde do lance tá "di grátis" aqui ó... :D
4- Luuuuuuuuuuuuuuxo, poder e glória essa bolsa!!!
5- Mural fofo ao estilo "faça você mesmo"!!! Adoro!!!
6- Mega criativo esse projeto pessoal fotográfico... amei!!!
7- O que é esse relógio??? Via Jaime Cardoso por email...
8- Botões :D

Bom sabadão!!!!!!!

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Aquele com minhas cenas favoritas #2

*
Nota: como se trata da exposição de cenas de filmes que gostei, o conteúdo desse post pode conter revelações do filme em questão... portanto, quem não assistiu e se importa com essas coisas, melhor não continuar a leitura...

Quem viu o filme "O Resgate do Soldado Ryan" entende porque o filme é tão incrivelmente perfeito... porque ele mereceu todas as indicações e os prêmios do Oscar de 1999 (aliás, acho que merecia ter levado muitas outras estatuetas nesse Oscar... o de melhor ator, principalmente)... a fotografia é maravilhosa, a adaptação da história para o cinema foi feita de forma incrível... a primeira cena com duração de quase meia hora é tão bem produzida que mesmo não tendo efeito 3D a gente quase cai prá trás achando que levou um tiro no meio do peito...

A idéia de "fazer a vida valer a pena" ou de "fazer por merecer" (depende do responsável pela tradução... vi essas duas versões) que pareceu ser o grande "boom" do filme com certeza deixou marcas em muitos que assistiram (inclusive a apologia e comparação com a passagem de Jesus Cristo na terra foi o que mais fizeram os líderes religiosos do cristianismo mundo afora), e tornou a cena final do filme uma das mais veneradas por aí...

Acontece que eu sempre sou do contra... juro que não é de propósito... mas acontece sempre... em filmes de grande produção, com grande repercusão e diversas críticas, as cenas que mais me chamam a atenção são aquelas que a maioria nem sequer se lembra... enfim...

Duas cenas me tocaram muito em "O Resgate do Soldado Ryan"... a primeira que me impressionou foi a da morte do soldado Irwin Wade, o paramédico da equipe... após ser atingido por vários tiros, os companheiros tentam prestar os primeiros socorros... Wade, enquanto paramédico, ao perceber que foi atingido no fígado, fica ciente da gravidade da situação e pede que lhe injetem mais morfina... ao receber a medicação, começa a se lamentar sobre não querer morrer (fica nítido ao telespectador que ele já sabe seu fim) e chama compulsivamente por sua mãe enquanto agoniza nos seus últimos segundos de vida... a cena bate doída no peito da gente... principalmente pelo fato de o personagem gerar muita simpatia ao longo do filme...

Mas não é o soldado Wade morrendo em si que me arrepiou todas as vértebras do corpo... é a forma como seus companheiros vivem esse momento... Não achei a cena isolada no youtube, mas é só pular para o minuto quatro para ver a cena que descrevo... uma das cenas de filmes mais lindas que já vi na vida... a imagem de todas as mãos unidas sobre o amigo... os rostos agoniados e sofridos por aquela perda... a imagem das mãos sobre o amigo... essa imagem me foi tão chocante... é a representação perfeita de união... de cumplicidade... de amizade... de "estar junto e com"... talvez, se a humanidade agisse sempre assim para com seus semelhantes, quem sabe, poderia ser tudo muito mais fácil, muito mais feliz, muito mais tolerante e com muito mais amor...




Acho que deveríamos refletir sobre como nos relacionamentos comas pessoas nessa vida tão curta...

Bom restinho de quarta-feira pra nós!!!

terça-feira, 10 de maio de 2011

Aquele com o feliz dia da mãe...

*
Não... eu não estou atrasada... hoje é de fato o dia da mãe... da minha mãe... como eu não comemoro nenhuma data comercial, prefiro homenagear minha mãe em seu aniversário... porque esse de fato é o seu verdadeiro dia... e hoje ela faz 59 anos de idade... foi muita vida nesses longos anos...

À minha mãe, no seu dia, aproveito para dizer o quanto lhe sou grata...

Lhe sou grata por ela ter permitido que eu dormisse com ela, na mesma cama, por oito anos... se cama compartilhada deixa a criança dependente e sem autonomia eu não sei, acho mesmo é que que expulsar um marido da cama pra dar lugar à um filho é coisa que só mãe muito super protetora é capaz de fazer... e a Dona Nilda fez... acho mesmo é que se eu fui muito dependente, em contra partida, me tornei uma pessoa muito afetiva, e acho que a cama compartilhada foi fundamental para toda essa minha subjetividade...

Lhe sou grata por ela ter se preocupado em priorizar meus estudos, fazendo questão de me proporcionar o que ela não pôde ter... as vezes lamento por não ter reconhecido isso antes, mas deixo de me culpar quando me lembro de que cada pessoa tem seu tempo, até para reconhecimentos... ainda não havia chegado o meu... quem sabe!

Lhe sou grata pelas latinhas que ela catou "por aí" e converteu em vale-transportes pra eu poder ir e voltar da faculdade no meu período acadêmico...

Lhe sou grata pelos abraços que ela me deu... e até pelos que ela não me deu... minha mãe não é muito de abraçar... é o jeito dela...

Lhe sou grata por ela ter cuidado, e ainda cuidar dos meus filhos, quando estou ausente... seja física ou emocionalmente... é ela quem sempre preenche as lacunas...

Lhe sou grata por ela me ceder sua casa, me poupando de pagar aluguel, me dando a honra de morar ao seu lado, pra que ela possa me ajudar (e até meter o bedelho de vez em quando, mas até por isso lhe sou grata) quando é preciso...

Lhe sou grata pelos pães de queijo, sonhos de doce-de-leite, bolachinhas de nata e bolos petelecos que ela traz pra mim todo sábado de manhã...

À minha mãe, sou grata por todos os seus acertos comigo... mas principalmente por todas as suas falhas... porque até essas ajudou com que eu me tornasse a pessoa que sou hoje... e apesar dos pesares, posso dizer que tenho muito mais orgulho do que vergonha das minhas atitudes até hoje (apesar de as vergonhas já terem sido muitas)...

Que eu possa compartilhar essa data com ela por muitos e muitos anos ainda... que muitos e muitos bolos petelecos possam fazer parte do meu sábado de manhã... que eu ainda possa lhe dar muitos orgulhos na vida... e por que não, lhe passar algumas inocentes vergonhas...

Feliz aniversário... MÃE!!!


segunda-feira, 9 de maio de 2011

Aquele com meu top 20 filmes...

*
Fui taggeada pela Janaína e simplesmente amei... adoooro filmes, principalmente os clássicos... sou cinéfila assumida... enlouquecida... enfim...

Foi difícil listar meus 20 filmes favoritos... confesso que deixei muitas belas obras de lado (e foi difícil abrir mão de uma por outra)... mas taí...

Com excessão do meu favoritíssimo, à partir do segundo coloquei todos em ordem cronológica, pois não conseguiria por ordem de favoritismo...

1- Bonequinha de Luxo (1961) - Meu filme favorito... vale a pena ver... a cena final em que ela leva uma dura do par romântico é minha favorita... já me identifiquei um dia :P
2- O mágico de Oz (1939) - Dispensa comentários
3- A felicidade não se compra (1946) - Ahhhh é uma bela história de amor
4- Cantando na chuva (1952) - Faz a gente ficar bem... se sentir alegre... sei lá...
5- Juventude transviada (1955) - É do tipo de filme que dificilmente você assiste uma vez só... e cada vez que assiste, tem um olhar diferente...
6- A fantástica fábrica de chocolate (1971) - O original, claro... lindinho... fofinho... meio filosófico... adoro filmes assim...
7- O exorcista (1973) - Na minha opinião o melhor filme de terror de todos os tempos
8- Tubarão (1975) - O melhor filme de suspense de todos os tempos... já não fazem mais filmes dessa categoria como antigamente se fazia... hoje tentam assustar com barulhos e trilhas apelativas... tubarão é um dos melhores clássicos na minha opinião...
9- Contatos imediatos de terceiro grau (1977) - Complexo, pra época principalmente, mas bem interessante...
10- De volta para o futuro - a trilogia (1985 o primeiro) - considerei como um só em função da continuidade excepcional... acho que nunca mais houve uma trilogia tão bem produzida...
11- Uma linda mulher (1990) - Confesso que esse é meu prazer culposo... filminho água com açucar e bem idiotinha... mas me rendo ao charme do roteiro e de algumas cenas super bem produzidas...
12- Perfume de mulher (1992) - Belo roteiro, fotografia maravilhosa, atuação perfeita dos protagonistas e com uma das cenas mais lindas que já vi num filme...
13- Amor à queima roupa (1993) - O filme que sem sombra de dúvidas tem a melhor declaração de amor da história do cinema...
14- O resgate do soldado Ryan (1998) - Esse também é daqueles que é impossível assistir uma única vez... roteiro espetacular...
15- Kill Bill (2003) - Também seduz pelo roteiro, sem contar que Tarantino é "o cara"...
16- Procurando Nemo (2003) - Adoro filmes infantis, principalmente aqueles que trazem mensagens interessantes que a gente carrega pra toda a vida
17- Bastardos Inglórios (2009) - Outra obra espetacular de Tarantino...
18- Coração louco (2009) - Um dos dramas mais bem produzidos da história do cinema... merecidíssimo o oscar de melhor ator...
19- The blind side (2009) - O título em português é "Um sonho possível", mas a tradução é tão ridícula que sempre falo e penso no filme com título original... acho que o único baseado em fatos reais que me fez chorar até hoje... MARAVILHOSO...
20- Meu malvado favorito (2010) - Como eu disse... adoro filmes infantis com mensagens interessantes...

Minhas/meus taggeadas/dos são:

sábado, 7 de maio de 2011

Aquele com o que vi por aí e curti #18

*
1- Botões... botões ... botões e mais botões... :D ... A cara do "Casa Botão"... Via Soraya Pamplona...
2- Queria tanto esse cinzeiro de mesa da Bonequinha de Luxo aqui no meu humilde quartinho ^^
3- Puffs feitos com pneus velhos... fica uma coisinha linda e o planeta agradece!
4- Essa idéia de decoração de painél de aniversário... um arraso... eu que adoro fotografia, super amei a idéia...
5-Ahhhh coca-cola, sua sacana... não vale querer seduzir àqueles que lutam contra seu poder de manipulação da massa e a forma selvagem como você reforça o capitalismo... mas vá lá... me rendi à delicinha do Capitão Nascimento... ops... Wagner Moura, cantando Roberto Carlos (a música foi adaptada para homenagear as mães na data comercial que se aproxima)... ispía se não é um fofo esse baiano...

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Aquele pra quem adooooora decoração e "bem morar"...

*
Com a volta dos estilos "vintage" e "retrô" à todo o vapor, passei a me interessar mais por decoração, e a cada dia tenho mais vontade de ajeitar o meu cantinho de forma a deixá-lo confortável, agradável aos olhos e principalmente... aconchegante... Inclusive nesse fim de semana as paredes da minha sala serão pintadas... com a reforma do sofá, achei que já seria hora de mudar as coisinhas nesse ambiente...
Mas enfim... não estou aqui pra falar da decoração da minha casa especificamente, mas pra contar que à partir de amanhã (sábado - 07/05/11) começa no Jornal Hoje um quadro pra quem é ou está, assim como eu,  apaixonado por decoração... O quadro promete dicas legais e econômicos sobre como deixar a sua casa mais bonita e aconchegante, e é claro que eu não vou perder uma edição sequer...
Abaixo, a chamada...


Aqui o blog do Hoje em Casa...

Beijos e um ótimo fim de semana pra nós! (já contei que amo sexta-feira??? :D)

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Aquele com o projeto 365 - O melhor de abril

*
As fotos tiradas no mês de abril para o Projeto 365 de 2011 que eu mais curti... (clique nos links das descrições para ser redirecionado para a foto no flickr):


093 - Pai e filho brincando;
096 - Aniversário de cinco anos do Maurinho;
099 - Maurinho no parque ecológico;
100 - Meus filhos no parquinho público (achei essa foto tão linda);
107 - Passeio dominical no sebo da Alternativa Cultural (delícia de passeio);
111 - O céu de uma cidade do interior (achei essa foto tão romântica);
118 - Marcas do tempo;
119 - Meu sofá reformado... achei liiiiiiiiiiindo!!!

Bom restinho de semana!!!

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Aquele com uma dica legal: Do que a gente vai brincar hoje?

*
Vi no site da crescer e não resisti em compartilhar com os leitores e leitoras que também tem filhos... vale até pra quem não tem filho, mas tem um sobrinho ou sobrinha que vira e mexe resolve passar o findi com os tios! :D
No site "Do que a gente vai brincar hoje?" da revista crescer, você pode selecionar as brincadeiras por idade e também por ambiente... achei o máximo...
Ao clicar no link acima, você vai cair numa página assim:


Daí é só clicar alí em "escola a melhor brincadeira com a crescer"... naquela bolha saindo da boca do peixinho fofo... vai aparecer uma página assim:

Nessa segunda página você escolhe a idade da criança e o ambiente da brincadeira... se ela acontecerá dentro ou fora de casa... ao selecionar tais opções, uma lista de brincadeiras será gerada... eu escolhi a idade 5 anos, que é a idade do Maurinho, meu filho... e optei por uma brincadeira fora de casa... caí então numa página assim:


Amei as opões listadas... e ao escolher a brincadeira "Estourar bexigas d'água", fui direcionada para o site da crescer com a descrição da brincadeira...

Legal né? Bom praqueles dias em que você não está muito criativa... o site pode ajudar a relembrar brincadeiras gostosas da infãncia... acho um barato esse lance de poder voltar a ser criança através dos nossos filhos...

Espero que aproveitem a idéia e brinquem muito com seus pequenos :D

Ótima semana pra nós!!!

domingo, 1 de maio de 2011

Aquele com as unhas da semana #7

*
Preguiça é o tipo de pecado que quando se precisa pecar, a gente peca sem culpa...
O esmalte Preguicinha da Risqué é um vermelho bem lindinho... é clássico, bem verdade, mas não deixa de dar um ar poderoso ao look... achei que de preguiçoso não tem nada...

Já cometeu algum pecado essa semana???